…::GODS POWER PT::…

BEM VINDO AO GODS POWER PT

DIVERTE-TE E CONTRIBUI COM ALGO
E NÃO TE ESQUEÇAS DE VOTAR ENQUANTO
OUVES A RÁDIO NEXT
Se esqueceu a sua senha clique em Recuperar senha

ABRAÇO

susyferry
…::GODS POWER PT::…

GODS POWER PT onde encontras de tudo um pouco, até amigos visita confere ajuda para seres ajudado obrigado











 width=





    Milhares de presos libertados porque as cadeias estão cheias

    Compartilhe

    jachy
    Sub Administrador
    Sub Administrador

    Masculino
    Número de Mensagens : 33
    Idade : 54
    Alertas :
    0 / 1000 / 100

    Data de inscrição : 05/01/2009

    RPG
    Warm:
    0/0  (0/0)
    Fotos:
    0/0  (0/0)

    Milhares de presos libertados porque as cadeias estão cheias

    Mensagem por jachy em Ter Fev 10 2009, 22:17

    Três juízes federais decidiram, esta segunda-feira, que a Califórnia
    tem de libertar dezenas de milhares de presos por sobrelotação das
    prisões, decisão mal acolhida pelo governador Arnold Schwarzenegger,
    escreve a Lusa. Chamados
    a pronunciar-se numa queixa colectiva de reclusos, os três magistrados
    deram-lhes razão: «Há simplesmente demasiados presos para a capacidade
    existente e é incontestável que, por causa dessa sobrelotação, não
    existem equipamentos suficientes nem recursos para acolher os detidos
    que tenham necessidades médicas», o que equivale a uma violação dos
    seus direitos constitucionais. A
    decisão é ainda provisória, mas foi publicada, explicaram os juízes,
    para permitir ao estado preparar-se para a única solução concebível,
    que é a libertação de presos. Entre 30.000 a 45.000 prisioneiros libertados As
    prisões californianas estão entre as mais sobrelotadas dos Estados
    Unidos, acolhendo cerca de 170.000 presos, quando a sua capacidade não
    excede os 100.000. Os três juízes indicaram, na decisão, que estão disponíveis para tolerar uma taxa de ocupação entre os
    140 a 125 por cento, o que representaria a libertação de 30.000 a 45.000 presos. O
    Attorney General da Califórnia qualificou a decisão de «ingerência» e
    insistiu na necessidade de garantir a segurança dos californianos.
    «Esta ordem é um instrumento grosseiro que não tem em consideração os
    imperativos da segurança pública, nem os desafios colocados pelo
    encarceramentos de criminosos», afirmou Jerry Brown, em comunicado,
    anunciando que vai recorrer da decisão para o Supremo Tribunal dos EUA.

      Data/hora atual: Qui Nov 23 2017, 20:23