…::GODS POWER PT::…

BEM VINDO AO GODS POWER PT

DIVERTE-TE E CONTRIBUI COM ALGO
E NÃO TE ESQUEÇAS DE VOTAR ENQUANTO
OUVES A RÁDIO NEXT
Se esqueceu a sua senha clique em Recuperar senha

ABRAÇO

susyferry
…::GODS POWER PT::…

GODS POWER PT onde encontras de tudo um pouco, até amigos visita confere ajuda para seres ajudado obrigado











 width=





    Sociedade "Não vale a pena fechar os olhos: consome-se"

    Compartilhe
    avatar
    henrike
    Sub Administrador
    Sub Administrador

    Troféus, Medalhas. Troféus, Medalhas. : :1
    *****
    :2
    *****
    :3
    Diz de tua justiça..... :

    Masculino
    Número de Mensagens : 2422
    Idade : 65
    País de Origem :
    Alertas :
    0 / 1000 / 100

    Data de inscrição : 17/01/2010

    RPG
    Warm:
    0/0  (0/0)
    Fotos:
    0/0  (0/0)

    Sociedade "Não vale a pena fechar os olhos: consome-se"

    Mensagem por henrike em Dom Maio 02 2010, 10:54

    Ao fim de quatro anos sem ver luz sobre
    as suas reivindicações, os cidadãos que promovem a Marcha Global da
    Marijuana (MGM) vai constituir-se em associação. Nem os políticos
    circunstanciais que aparecem lhes têm valido. Querem a legalização da
    canábis.
    Marcha decorreu em várias cidades do mundo

    Ontem, a MGM do Porto não
    quis saber de coincidências temporais. O 1.º de Maio é de todos e nem as
    ruas "alugadas" por partidos e sindicatos demoveram a vontade de
    marchar pela marijuana. Uma marcha estática, mas não parada, encheu a
    praça do Marquês de uns três milhares de pessoas em manifestação pela
    legalização da canábis.O movimento mundial guardou sempre o
    primeiro sábado de Maio para esta marcha. Este ano, calhou no dia do
    trabalhador. Foi dada a escolha às organizações locais. Lisboa
    guardou-se para o próximo fim-de-semana. O Porto avançou ontem, no sítio
    do costume. Assim, "dá para ir às duas" e fazer mais barulho, conta
    Carla Fernandes, da organização.Ao som de reaggae, o retrato é o
    de sempre. Os dread, este ano pontuados pelos asteriscos da moda, os
    reformados, as cartas, o sol, o cheiro a charros, os "berlaite" a passar
    entre dedos, o amarelo-vermelho-verde do "tá-se bem", aos
    incontornáveis dejectos de cão ontem amassados pelo mesmo "tá-se bem",
    uma planta de marijuana em plástico, uns óculos em forma da folha dela,
    um velho endiabrado a gritar poesia.Na mente, o desejo de fazer
    mais. "Enquanto movimento de cidadãos, em quatro anos não teve qualquer
    resposta", nem "um projecto apresentado no Parlamento", apesar de quatro
    cidades saírem à rua uma vez por ano, explica Carla. Daí a ideia de
    criar uma associação. Para ganhar "capacidade de intervenção" e "peso
    político". Quando? "Muito em breve". Até lá, a palavra de ordem é fazer
    monte. No Marquês ou onde for. E conviver.


    _______________________________________________




    http://i62.servimg.com/u/f62/13/42/24/53/henriq13.gif


      Data/hora atual: Qui Nov 23 2017, 20:07