…::GODS POWER PT::…

BEM VINDO AO GODS POWER PT

DIVERTE-TE E CONTRIBUI COM ALGO
E NÃO TE ESQUEÇAS DE VOTAR ENQUANTO
OUVES A RÁDIO NEXT
Se esqueceu a sua senha clique em Recuperar senha

ABRAÇO

susyferry
…::GODS POWER PT::…

GODS POWER PT onde encontras de tudo um pouco, até amigos visita confere ajuda para seres ajudado obrigado

Cuidados do hospital no conforto da casa 076




Cuidados do hospital no conforto da casa 087




 width=





    Cuidados do hospital no conforto da casa

    henrike
    henrike
    Sub Administrador
    Sub Administrador

    Troféus, Medalhas. Troféus, Medalhas. : Cuidados do hospital no conforto da casa Ouro10:1
    *****
    Cuidados do hospital no conforto da casa Medal_22:2
    *****
    Cuidados do hospital no conforto da casa Medal_62:3
    Diz de tua justiça..... :

    Masculino
    Número de Mensagens : 2422
    Idade : 67
    País de Origem : Cuidados do hospital no conforto da casa Por10
    Alertas :
    Cuidados do hospital no conforto da casa Left_bar_bleue0 / 1000 / 100Cuidados do hospital no conforto da casa Right_bar_bleue

    Data de inscrição : 17/01/2010

    RPG
    Warm:
    Cuidados do hospital no conforto da casa Left_bar_bleue0/0Cuidados do hospital no conforto da casa Empty_bar_bleue  (0/0)
    Fotos:
    Cuidados do hospital no conforto da casa Left_bar_bleue0/0Cuidados do hospital no conforto da casa Empty_bar_bleue  (0/0)

    Cuidados do hospital no conforto da casa Empty Cuidados do hospital no conforto da casa

    Mensagem por henrike em Seg Mar 29 2010, 10:18

    Unidade de Cuidados na Comunidade da Senhora da Hora leva enfermeira a
    casa para ajudar doente a lutar contra as sequelas de um AVC. O JN foi
    conhecer alguns projectos da primeira UCC a abrir no Norte..................
    Cuidados do hospital no conforto da casa Ng1266889



    Manuel, de
    74 anos, levanta no ar a mão que segura uma garrafa cheia de areia.
    "Boa!". O AVC que o atirou para a cama aos 70 anos deixou-o com os
    músculos atrofiados, as pernas e os braços desobedientes. Volta
    e meia, regressa ao hospital com infecções urinárias e dificuldades
    respiratórias. Na última semana, graças à intervenção da enfermeira de
    reabilitação, que o visita quase todos os dias, conseguiu evitar mais um
    internamento. Desde Dezembro que Rosa Lopes ajuda Manuel Moreira
    a exercitar o corpo paralisado. É enfermeira especialista em
    reabilitação da Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC) da Senhora da
    Hora, a primeira a inaugurar no Norte, juntamente com a de S. Mamede de
    Infesta (pertencem ambas à Unidade de Saúde Local de Matosinhos). O JN
    foi conhecer alguns dos projectos desta UCC, que cobre as freguesias da
    Senhora da Hora, Custóias e Guifões, com 13 enfermeiras especializadas,
    apoiadas por médicos, assistentes sociais, psicólogos e nutricionistas. Evitar
    internamentos e infecções
    Com garrafas ou com o cabo da
    vassoura, o importante é que Manuel erga os braços para o céu para
    exercitar a caixa torácica. Em três meses, o doente já consegue mover-se
    ligeiramente na cama, uma pequena conquista que significa muito para as
    costas da mulher, que o acompanha dia e noite há quatro anos. Conceição
    passou mais de metade da vida a tratar de acamados, primeiro o pai,
    depois a mãe, agora o marido. As articulações já se queixam há muito,
    mas agora faltam-lhe as forças. Por isso, olha com especial carinho para
    a enfermeira Rosa, que pôs o marido um pouquinho melhor e percebeu que
    ela precisava do apoio semanal das ajudantes de família para cuidarem da
    higiene de Manuel. Antes da criação da UCC da Senhora da Hora,
    Manuel recebia a visita da enfermeira de família que vinha mudar os
    pensos, olhar as feridas e vigiar o seu estado de saúde. Nos últimos
    meses, as visitas multiplicaram-se. A enfermeira de família, a
    enfermeira de reabilitação e as ajudantes são o quotidiano daquela
    família. Porque estar no ambiente familiar é mais confortável do
    que numa cama de hospital, evita-se infecções e consegue-se mais
    sucessos, o Projecto Reabilitação da UCC da Senhora da Hora, apoia
    também ao domicílio mulheres mastectomizadas e doentes ostomizados. "Tenho
    notado melhorias, fala mais e mexe os braços", nota Conceição, no final
    da visita. Noutros tempos, dificilmente poderia pagar a ajuda de um
    especialista ao domicílio. Mas agora já não é só para alguns. Estes
    cuidados começam a fazer parte do Serviço Nacional de Saúde.

      Data/hora atual: Qui Set 19 2019, 23:14